Página Inicial







Em Foco
Maio de 2017

Biodiversidade: Descompasso ecológico
Por: CARLOS REIS, jornalista



O desenvolvimento sustentável depende da diversidade biológica. Depois da «grande aceleração» na degradação dos sistemas naturais nos últimos sessenta anos, é o momento de inverter para a «grande transição», para um futuro ecologicamente sustentável.     A diversidade biológica de genes, espécies e ecossistemas descreve o número e a variedade de organismos vivos, resultado de mais de três mil milhões de anos de evolução. Saber quantas espécies habitam a Terra está entre as questões mais fundamentais da ciência. No entanto, os esforços para provar a biodiversidade do mundo são limitados e impedem a quantificação directa. A grande maioria das espécies são animais, com números progressivamente menores de fungos, plantas, protozoários, algas e outros microorganismos, excluindo-se as bactérias. Depois de 250 anos de classificação taxonómica e 1,7 milhões de espécies já catalogadas, o estudo How Many Species Are There on Earth and in the Ocean, publicado na revista científica norte-americana...

Indique o seu nome de Utilizador e Palavra-chave para obter o texto completo.
Se já é assinante e deseja consultar os destaques on-line peça o Nome de Utilizador e Palavra Passe utilizando este formulário.





Comente esta informação

Imprimir   |   Enviar a um amigo



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados