Página Inicial







Coreia do Sul: Bispos pedem orações pela paz e recordam centenário de Fátima
11 de Agosto de 2017

Da Agência Ecclesia

 

Os bispos católicos da Coreia do Sul lançaram um apelo pela paz, perante o aumento da tensão entre a Coreia do Norte e os EUA, evocando o centenário de Fátima para mobilizar as comunidades à oração.

 

"A Virgem Maria pediu-nos para rezar o rosário pela conversão dos pecadores e pela paz no mundo", refere o cardeal Andrew Yeom Soo-jung, arcebispo de Seul, numa mensagem divulgada pela Rádio Vaticano.

 

O cardeal coreano manifesta grande preocupação com as tensões crescentes na península coreana, alimentadas pelos programas de armas nucleares e mísseis da Coreia do Norte.

 

"Para a segurança e o futuro de todos os coreanos, a Coreia do Norte deve sentar-se à mesa das negociações e abandonar as suas armas nucleares", exorta.

 

O presidente dos EUA, Donald Trump, deixou um aviso ao líder norte-coreano Kim Jong-Un, afirmando que norte-americanos irão responder a Pyongyang com "fogo e fúria".

 

A Coreia do Norte anunciou, depois, estar a "examinar cuidadosamente" planos para um ataque com mísseis contra a ilha de Guam.

 

O cardeal Andrew Yeom Soo-jung exorta os sul-coreanos a rezar, apresentando o terço como “arma espiritual para derrotar o mal” e “superar os desafios”.

 

D. Lazarus You Heung-sik, bispo de Daejeon, reiterou por sua vez que "a Igreja deve promover a cultura da paz e da vida contra a cultura da morte que está a crescer na península coreana”.

 

O bispo de Uijeongbu, D. Peter Lee Ki-heon, pediu um acordo de paz entre as duas Coreias e o fim das tensões na península.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados